setembro 30, 2020

A Forma da Água (The Shape of Water, 2017) | Crítica

Em uma das cenas mais bonitas do filme, Elisa se esforça para mostrar a Giles o quanto era semelhante com a criatura que via todos os dias, não apenas pela comunicação em sinais, mas pela solidão que os dois enfrentavam, é o clássico A Bela e a Fera que Del Toro optou por revisitar, escolhendo uma época em que medo e opressão reinavam. A Forma Da Água é uma história de amor, na melhor forma de se amar.

A Guerra fria foi um momento histórico onde Rússia e EUA disputavam no céu e na terra domínios remanescentes da Segunda Guerra, então qualquer vantagem em cima do seu inimigo era válida. É clichê falar do primor técnico nos filmes dele, o mínimo que podemos esperar é a perfeição dos detalhes, que mais uma vez são entregues em ótimas cenas. Mas o foco do filme fica nos personagens, e mais uma vez Del Toro se declara para seus monstros, o poema final é um grande exemplo do quanto as formas que ele apresenta vem de um amor pelo diferente, pelo incompleto.

As ótimas atuações completam toda a ideia do filme, sobra espaço para explorar cada personagem: o cientista em conflito sobre seu patriotismo, o agente que busca se provar o tempo todo, a busca de Giles por aceitação, a mulher deslocada o mundo, a mulher negra que enfrenta problemas de racismo no trabalho e os problemas dentro de casa, e o monstro sendo explorado pelo fato de não ser a imagem do homem. Acompanhados de uma trilha sonora que te encanta.

Todas as cenas de Elisa com a Criatura são de um envolvimento emocional tão forte, que nos identificamos imediatamente. A Forma da Água é um filme completo por o artista homenagear suas obras, e as obras que antecedem as suas; o cinema mudo, musical, o horror, romance, e até o policial. É um Guilhermo Del Toro em sua melhor forma.

A Forma da Água (The Shape of Water, 2017) | Crítica

  • Duração: 121 min.
  • Direção: Guillermo del Toro
  • Roteiro: Guillermo del Toro , Vanessa Taylor
  • Elenco: Michael Stuhlbarg , Sally Hawkins , Michael Shannon , Doug Jones , Octavia Spencer

A Forma da Água (The Shape of Water, 2017) | Crítica

10

Nota

10.0/10
%d blogueiros gostam disto: